Como escolher um apartamento para alugar? Veja 6 dicas!

Como escolher um apartamento para alugar
3 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Encontrar o lugar ideal para morar não é uma tarefa tão simples. É essencial analisar alguns detalhes para evitar arrependimentos e dores de cabeça no futuro. Então, não deixe de ler este post com dicas valiosas sobre como escolher um apartamento para alugar.

Devido à pressa de se mudar ou à falta de experiência nesse tipo de negociação, é normal não se ater a alguns pontos que são fundamentais para garantir a boa qualidade de vida no local. Veja, a seguir, o que deve ser observado.

1. Defina as suas necessidades

É indispensável estabelecer suas prioridades para escolher um apartamento para alugar. Decida, por exemplo, quantos quartos deve ter seu novo lar, se uma varanda é essencial, o que o condomínio oferece (áreas de lazer, serviços, segurança), vagas na garagem, aceitação de animais domésticos, entre outras coisas que são importantes para você.

2. Observe a localização

O lugar para morar deve ser o mais agradável para você e o mais adequado ao seu estilo de vida. Por isso, procure saber o máximo possível sobre os arredores: proximidade de comércios indispensáveis (como mercado, farmácia, padaria), acesso às vias principais ou transporte público, trajeto até os lugares mais frequentados (trabalho, cursos, casa de familiares), trânsito.

3. Verifique as condições físicas do imóvel

Não faça visitas com pressa. Caso contrário, deixará de perceber alguns defeitos que trarão incômodos mais tarde. Examine as condições das paredes, pinturas, pisos e janelas. Isso é fundamental para ter certeza de que tudo está funcionando perfeitamente.

Analise os espaços e pense como ficará a disposição dos móveis em cada ambiente. Para ter uma noção maior de como é viver na região, visite o lugar em datas e horários distintos. Assim é possível observar melhor como é a movimentação e o trânsito em diferentes momentos.

4. Fique atento às cobranças e aos reajustes

De acordo com a lei, o aluguel só pode ter reajuste anual e o objetivo é corrigir a inflação da moeda. Se o valor estiver defasado, o proprietário pode revisá-lo a cada três anos. Em casos assim, o ideal é que as partes cheguem a um consenso. Também é importante prestar atenção ao valor do condomínio. Afinal, as despesas extraordinárias, que referem-se às benfeitorias no edifício, devem ser pagas pelo dono do imóvel. Por sua vez, o inquilino responsabiliza-se apenas por aquelas relacionadas à conservação, como manutenção dos elevadores e pintura.

5. Contrate com uma imobiliária de confiança

Contar com os serviços de uma imobiliária é fundamental. Os corretores ajudarão a encontrar um apartamento que atenda a todas as suas necessidades e desejos. Desse modo, não será preciso que você visite inúmeros locais até encontrar o ideal. Ainda, a imobiliária fica responsável pela vistoria, análise dos preços, elaboração de contrato, além de facilitar a burocracia que envolve o processo de locação. Isso tornará o procedimento bem mais tranquilo e seguro.

Pronto! Agora você já sabe como escolher um apartamento para alugar. Seguindo as nossas dicas, certamente encontrará um novo lar do jeito que deseja. Não tenha pressa e observe todos os detalhes. Também conte com uma imobiliária de confiança e com reconhecimento no mercado.

Gostou deste post? Então compartilhe-o em suas redes sociais para que seus amigos também saibam o que deve ser observado ao alugar um imóvel para morar!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-